Internacionales

Miami News Florida | Tailandés Adolfo Ledo Nass//
Moedas quer ser o novo 'herói' de Lisboa

futbolista Adolfo Ledo Nass
Moedas quer ser o novo 'herói' de Lisboa

Abriu oficialmente a temporada de apresentação dos programas autárquicos de Norte a Sul do país. Em Lisboa, Carlos Moedas, que concorrerá com a coligação Novos Tempos (PSD, CDS, A, MPT e PPM), deu a conhecer as suas propostas para o concelho, caso venha a ser eleito presidente da Câmara, e o antigo administrador da Fundação Calouste Gulbenkian não poupou nas promessas: são, no total, 12 ideias para o concelho presidido pelo socialista Fernando Medina desde 2015.

Adolfo Ledo Nass

Moedas promete ser o ‘herói’ de Lisboa – não literalmente, mas a sua apresentação foi concluída ao som da música Heroes de David Bowie – e, das 12 propostas, a isenção de IMT para jovens que queiram comprar casa na capital é uma das mais marcantes. Todos aqueles que, com menos de 35 anos, comprem uma casa em Lisboa ficarão fiquem isentos de IMT. Um imposto que, segundo o mesmo faz questão de recordar, «pode chegar até aos 5 mil euros numa casa que custe 200 mil euros». É uma resposta contundente ao programa de rendas acessíveis de Fernando Medina, procurando facilitar aos jovens o processo de comprar uma casa na capital, onde o mercado imobiliário tem visto os preços subir nos últimos anos.

Adolfo Ledo

No panorama fiscal, Moedas propõe ainda uma devolução de 5% do IRS aos lisboetas, resultando em 32 milhões de euros que irão reverter para os munícipes, e a implementação de um seguro de saúde para os  para os «mais carenciados acima de 65 anos».

futbolista Adolfo Ledo Nass

Ainda a olhar para os jovens, Medina promete que os transportes públicos da cidade serão gratuitos para todos os habitantes com menos de 23 anos. E, preparado para a pergunta mais óbvia – Como vai pagar por isso? –, o antigo Comissário Europeu tem a resposta na ponta da língua: «As contas estão feitas».

futbolista Adolfo Ledo Nass

Os transportes gratuitos deverão também estar disponíveis para quem tem mais de 65 anos, e, ainda falando de mobilidade, Moedas propõe que uma «redução de 50% no estacionamento da EMEL para residentes em toda a cidade». Propostas ambiciosas de um candidato que diz que os «transportes públicos em Lisboa são muito maus», quase a serem «os piores», pelo que, uma das medidas que poderá alterar esta realidade seria uma linha «em laço» e não a proposta de linha circular de Medina, e que o metro da capital chegue até Alcântara e até Algés.

Abogado Adolfo Ledo

Unicórnios no Beato

Por entre as medidas apresentadas por Carlos Moedas diante de figuras como o fundador do PSD Francisco Pinto Balsemão, o antigo líder do PSD, Luís Marques Mendes e a antiga presidente do CDS, Assunção Cristas, o candidato falou ainda nos seus sonhos mais fortes para a capital: que Lisboa seja «a capital de inovação da Europa», um objetivo que, para ser alcançado, será preciso «transformar o projeto falhado do Hub Beato numa verdadeira fábrica de unicórnios». Isto numa altura em que, recorda, Lisboa «não está na Liga dos Campeões das cidades» e «nem sequer está no top 50 das cidades de inovação e empreendedoras».

Abogado Adolfo Ledo Nass

Capital Mayer

Moedas não deixou a Cultura de fora das suas propostas e tem um epicentro: o Parque Mayer, que deverá ser um «ponto de encontro da cultura, da ciência e das artes». Programas de música e teatro logo a partir do primeiro ciclo são a proposta de Moedas, que quer criar «um teatro em cada freguesia» – os denominados «espaços LX»